Construção Civil Indústria

09 itens essenciais para a proteção do trabalhador!

Escrito por flavaccaro

Confira nosso resumo sobre EPI e sua função no ambiente de trabalho. Acesse agora Gaveteiro.com.br e saiba tudo sobre o assunto!

Confira agora os 09 principais segmentos dos Equipamentos de Proteção Individual e confira dicas de como escolher o EPI adequado para cada um!

Os Equipamentos de Proteção Individual (EPI) são necessários em serviços em que o trabalhador seja exposto a riscos físicos, como em indústrias no geral, trabalhos com eletricidade, metalúrgicas, trabalhos ao ar livre e muito mais.

C.A

produtos-de-epi-diversos-como-botas-capacetes-de-seguranca-luvas-de-protecao

O C.A. (Certificado de Aprovação) é um atestado recebido por um Equipamento de Proteção Individual registrado pelo Ministério do Trabalho e Emprego do Brasil. Esse Certificado é caracterizado por um número, e pode ser consultado na internet pelo site ConsultaCA para conferência da procedência e garantias do EPI.

1- Proteção da Cabeça

homem-ao-ar-livre-com-capacete-de-seguranca-e-colete-de-seguranca

Para serviços que oferecem riscos á cabeça do trabalhador, o uso de equipamentos para protegê-la é imprescindível. Por exemplo, na construção civil, o uso do EPI é indicado para reduzir os efeitos causados por impactos, quedas de objetos, etc. através do uso dos capacetes, determinados por sua classe (A ou B) e tipos (I, II e III), todos classificados pela NR 6.
A escolha do capacete corresponde ao tipo de serviço que lhe compete, ou pelas cores determinadas pela CIPA.

2- Proteção Ocular e Facial

homem-com-protetor-facial-e-avental-de-pvc-manuseando-o-tambor

Os EPI’s voltados para a proteção da face e olhos é usado, principalmente, em trabalhos de soldagem em indústria e construção civil, minimizando os acidentes causados por luminosidade excessiva e respingos de materiais químicos através do uso de óculos, protetor facial e máscaras de solda, que devem ser escolhidas de acordo com o tipo de trabalho, cores específicas das lentes e modelos.

3- Proteção Auricular

trabalhador-usando-o-abafador-de-ruidos-e-capacete-de-seguranca

Os equipamentos que protegem os ouvidos do trabalhador contra riscos e barulhos incômodos ao longo do expediente, são indicados para fábricas e indústrias, com o objetivo de diminuir os ruídos do trabalho que podem afetar a audição do colaborador.
Existem diversos tipos de protetores, como tampões, concha e com filtros. A escolha do correto depende do tipo de trabalho em que será utilizado.

4- Proteção das Mãos

homem-com-luva-anti-impacto-manuseando-uma-britadeira

Os EPI’s manuais são projetados para garantir a proteção das mãos dos trabalhadores em todas as áreas de trabalho, com o objetivo principal de minimizar acidentes como cortes, queimaduras, respingos de líquidos químicos, choques mecânicos e muito mais.
As luvas de EPI contém uma extensa linha de materiais, que varia entre couro, malha, aramida, fios de aço, vaqueta, borracha e muito mais. Escolha a ideal de acordo com os riscos no trabalho, ressaltando que serviços em alta ou baixa temperatura, pedem luvas térmicas especiais.

5- Proteção da Pele

pessoa-passando-protetor-químico-na-pele

Diferente das demais categorias, a proteção da pele é dada através de cremes protetores e protetor solar ao invés de equipamentos, onde esses cremes evitam o contato da pele do trabalhador com produtos escoriantes, líquidos químicos, abrasivos, e alta exposição á luz do sol. Os cremes podem ser resistentes á água, óleo e são fabricados através de testes rigorosos. Cada creme corresponde ao tipo de trabalho necessário. No caso de protetores solar, preste atenção no fator de proteção solar.

6- Proteção Corporal

equipamentos-de-protecao-individual-para-uso-na-construcao-civil

Os EPI’s indicados para a proteção corporal são ideais para proteger o trabalhador contra riscos físicos, químicos e biológicos através do uso de acessórios que buscam revestir a maior parte do seu corpo.
As vestimentas de segurança podem ser impermeáveis, com corte reflexivo, fabricadas em raspa, anti-chamas e contra agentes químicos.  Lembrando que é sempre necessário entender os riscos do trabalho para escolher a proteção correta e efetiva.

7- Proteção dos Pés

homens-usando-bota-de-protecao-durante-a-jornada-de-trabalho

Para a proteção os pés do trabalhador, o uso dos equipamentos individuais é indispensável, pois pode evitar acidentes como: efeitos causados por quedas de objetos, perfurações, esmagamento, o contato com abrasivos ou líquidos químicos e muito mais.
O tipo das botas de segurança no trabalho varia entre mecânicos, umidade, térmicos e elétricos, onde encontramos diferentes materiais resistentes, como couro e PVC. Normalmente, para serviços mais arriscados, a bota de EPI acompanha uma palmilha reforçada.

8- Proteção Respiratória

homem-usando-protetor-respiratório-e-capacete-de-seguranca-e-oculos-de-protecao

Esses EPI’s são voltados á proteção das vias respiratórias do trabalhador, impedindo que poeiras, gases químicos ou micropartículas volantes possam causar possíveis danos internos. Os respiradores devem estar dentro dos padrões exigidos pela Fundacentro e são divididos em: Respirador PFF1 e PFF2. Já os cartuchos e filtros químicos, que trabalham juntamente com as máscaras, vetam gases e partículas.
Antes de escolher sua máscara, filtro ou cartucho, tenha certeza de que ele se encaixa adequadamente ao tipo de trabalho exercido.

9- Proteção em Altura

homem-com-equipamentos-de-protecao-individual-fazendo-trabalhos-em-altura

Para trabalhos realizados acima de 2 metros de altura, o uso de EPI é obrigatório para evitar possíveis acidentes, como quedas, choques e derrapagem. Através de cinturões de segurança, talabartes e trava quedas, o trabalhador ficará seguro durante o expediente. Escolha seu dispositivo ideal através da qualidade do material, registros das marcas fornecedoras e tipo de serviço.

– Confira todos nossos episódios detalhados sobre o assunto:

Sobre o autor

flavaccaro

Flavia é redatora do Gaveteiro.com.br

Deixar comentário.

Share This