Manutenção Predial

Como calcular quantidade de fios para instalação elétrica?

cabos-eletricos-conectados-barramento-eletrico

Saber como calcular quantidade de fios para instalação elétrica é essencial para garantir a segurança e o bom funcionamento dos aparelhos. Veja como fazer.

Alguns detalhes são fundamentais para não errar e saber como calcular quantidade de fios elétricos para instalação elétrica.

imagens-ilustrativa-de-luvas-a-ser-usadas-na-cozinha-epi-em-latex-e-antitermica-mais-usada-na-cozinha-industrial

O tamanho adequado do fio é crítico para qualquer instalação elétrica. Ele é determinante para o tamanho do eletroduto, que protegerá a fiação, evitando a quebra de fios e a propagação de chamas em caso de curto-circuito.

O dimensionamento correto dos fios é orientado pela NBR 5410:2004 e indica o diâmetro (bitola) do condutor e a metragem adequada. Lembrando que a bitola de um fio relaciona-se com a capacidade de transporte de corrente que ele pode suportar com segurança.

Para escolher o tamanho correto, você deve considerar a bitola, a capacidade do fio e para o que ele será usado. Fios com capacidade inferior à corrente dos circuitos que eles servem podem criar um risco notável de curto-circuito e incêndio.

Neste artigo, explicamos direitinho como calcular quantidade de fios para instalação elétrica! Continue lendo!

Dimensionamento de fios elétricos

Acompanhe como calcular quantidade de fios para instalação elétrica:

  1. Escolher a maneira de instalar os condutores de acordo com a tabela 33 da NBR 5410:2004;
  2. Conhecer a potência dos pontos de energia que serão utilizados e calcular a corrente em ampères;
  3. Determinar a bitola do fio pela capacidade de condução de corrente, aplicando os fatores de correção de acordo com a temperatura ambiente e o agrupamento de condutores;
  4. Definir as seções mínimas, conforme a tabela 47 da NBR 5410:2004;
  5. Verificar se o fio satisfaz os requisitos de queda de tensão admissíveis;
  6. Por fim, o fio escolhido deve ser o de maior seção.

Capacidade de condução de corrente

Todo fio condutor transportando uma corrente tem sua temperatura elevada. Para evitar danos devido ao sobreaquecimento do fio, é preciso considerar os efeitos térmicos e aplicar os fatores de correção de acordo com as temperaturas.

Dessa forma, a corrente transportada por qualquer fio condutor deve ser tal que a temperatura máxima para serviço contínuo (tabela 35 da norma) não seja ultrapassada. Para isso, a corrente nos condutores não deve ser superior aos valores da tabela 36, depois de aplicado os fatores de correção de temperatura e agrupamento das tabelas 40 a 41 da NBR 5410:2004.

Queda de tensão na instalação

Bem sabemos que todos os condutores e cabos possuem alguma resistência elétrica. Essa resistência é diretamente proporcional ao comprimento e inversamente proporcional ao diâmetro do condutor. Ela causa uma queda de tensão durante o transporte da corrente pelo cabo e deve ser considerada ao planejar como calcular quantidade de fios para instalação elétrica.

Em geral, a queda de tensão não é afetada pelo comprimento dos condutores, mas quando temos um condutor com diâmetro pequeno e comprimento longo, é preciso considerar a queda de tensão causada pela resistência ao projetar como calcular quantidade de fios para instalação elétrica.

Isso porque, os aparelhos elétricos são projetados para trabalhar em determinada faixa de tensão. Assim, é preciso garantir que a tensão que chega até eles, por meio dos cabos, seja compatível com esse valor.

Fios elétricos: Como calcular quantidade de fios para instalação elétrica?

A queda de tensão (e) é dada em percentual da tensão nominal e é calculada pela expressão:

De acordo com a NBR 5410:2004, a queda de tensão pode ser de, no máximo:

  • 5% para instalações alimentadas diretamente por um ramal de baixa tensão, a partir da rede de distribuição pública de baixa tensão;
  • 7% para instalações alimentadas diretamente por uma subestação de transformação, a partir de uma instalação de alta tensão ou que possuam fonte própria.

Seção mínima do fio condutor

As bitolas dos fios e cabos disponíveis no mercado variam de 1,5 mm² a 240 mm². Enquanto cabos são mais indicados para instalações industriais, os fios são adequados para sistemas elétricos prediais. Aqui, vamos nos ater somente aos fios elétricos.

A seção nominal máxima dos fios é de 10 mm² e a seção mínima deve ser determinada de forma a atentar aos seguintes critérios:

  • Capacidade de condução de corrente dos condutores deve ser igual ou superior à corrente de projeto do circuito;
  • Seções mínimas indicadas na tabela 47 da NBR 5410:2004;
  • Proteção contra curtos-circuitos e sobrecargas térmicas;
  • Limites de queda de tensão, conforme acima;
  • Proteção contra sobrecargas.

Lembrando que o condutor de um circuito monofásico deve ter a mesma seção do condutor de fase e não pode ser comum a mais de um circuito.

Dicas extras sobre como calcular quantidade de fios para instalação elétrica

Todos os circuitos elétricos de uma instalação típica se originam no painel principal, que,  geralmente, fica no piso térreo, no ponto em que a eletricidade cai das linhas de energia. Um diagrama elétrico exibe informações sobre cada circuito, incluindo cada luminária ou tomada que está nele e — para fins de estimativa — a localização do último dispositivo.

Fios elétricos: Como calcular quantidade de fios para instalação elétrica?

A distância do painel até o último dispositivo determina aproximadamente a quantidade de fio que você precisa para aquele circuito. O fio pode ter que seguir uma rota circular para alcançar todos os dispositivos, mas para essa estimativa, você pode assumir que ele segue a rota mais direta.

Os circuitos residenciais no Brasil têm uma voltagem de 110V ou 220V. É necessário diferenciá-los ao estimar as necessidades dos fios, porque eles exigem medidores diferentes. Além disso, você pode precisar de um fio de bitola diferente para a tomada que ligará seu fogão do que aquela que ligará seu liquidificador.

Ao estudar o diagrama de circuito, observe a tensão e a corrente de cada circuito para que você possa fazer uma lista da quantidade de fio você precisa para fazer o dimensionamento correto do sistema.

Agora que você já sabe como calcular quantidade de fios para instalação elétrica, descubra qual é a  vestimenta correta para lidar com trabalhos elétricos e garanta sua segurança!

Sobre o autor

claudiooliveira2014

Deixar comentário.

Share This